Não te esqueças de que a solução para o problema que te angustia, está a caminho.

Nos tribunais da Divina Justiça, nenhum processo fica parado.

A tua petição, depois de examinada, será deferida de acordo com os teus méritos.

Não te aflijas, antecipando-te às providências que haverão de ser tomadas em favor de tua paz.

Nem agraves a tua situação, tornando inócuas, quando te alcancem, as deliberações em andamento.

Saber esperar é tão importante quanto saber agir.

Toda decisão precipitada acaba sendo uma solução pela metade para o problema que se pretende resolver.

A solução que demora a surgir ainda não encontrou, disponíveis, os elementos que a favoreçam.


Irmão José/Carlos A. Baccelli
livro "Vigiai e Orai"











Dez Maneiras de Amar a Nós Mesmos

1. Disciplinar os próprios impulsos.

2. Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.

3. Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.

4. Aceitar, sem revolta, a crítica e a reprovação.

5. Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.

6. Evitar as conversações inúteis.

7. Receber no sofrimento o processo de nossa educação.

8. Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.

9. Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.

10. Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos, sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.







Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO,
mesmo sabendo que as rosas não falam...

Que eu não perca o OTIMISMO, mesmo sabendo que o futuro
que nos espera pode não ser tão alegre...

Que eu não perca a VONTADE DE VIVER, mesmo sabendo que a vida é,em muitos momentos, dolorosa...


Que eu não perca a vontade de TER GRANDES AMIGOS,
mesmo sabendo que, com as voltas do mundo,
eles acabam indo embora de nossas vidas...

Que eu não perca a vontade de AJUDAR AS PESSOAS,
Mesmo sabendo que muitas delas são incapazes
de ver, reconhecer e retribuir, esta ajuda...

Que eu não perca o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo
que inúmeras forças querem que eu caia...

Que eu não perca A VONTADE DE AMAR, mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo pode não sentir o mesmo sentimento por mim...

Que eu não perca a LUZ E O BRILHO NO OLHAR, mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo escurecerão os meus olhos...

Que eu não perca a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda

São dois adversários extremamente perigosos...

Que eu não perca a RAZÃO, mesmo sabendo

que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas...

Que eu não perca o sentimento de JUSTIÇA, mesmo
sabendo que o prejudicado possa ser eu...

Que eu não perca o meu FORTE ABRAÇO, mesmo sabendo
que um dia os meus braços estarão fracos...

Que eu não perca a BELEZA E A ALEGRIA DE VIVER, mesmo sabendo

que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...

Que eu não perca o AMOR POR MINHA FAMÍLIA, mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços incríveis para manter a sua harmonia...


Que eu não perca a vontade de DOAR ESTE ENORME AMOR que existe em meu coração, mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado...

Que eu não perca a vontade de SER GRANDE, mesmo
sabendo que o mundo é pequeno...

E acima de tudo...

Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente!

Que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois...

A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS

E CONCRETIZADA NO AMOR!






Desencanto

Também, Senhor, um dia, de alma ansiosa,
Num sonho todo amor, carícia e graça,
Quis encontrar a imagem cor-de-rosa
Da ventura que canta, sonha e passa.

E perquiri a estrada erma e escabrosa,
Perenemente sob a rude ameaça
Da amargura sem termos, angustiosa,
Entre os frios do pranto e da desgraça,

Até que um dia a dor, violentamente,
Fez nascer no meu cérebro demente
Os anelos de morte, cinza e nada.

E no inferno simbólico do Dante,
Vim reencontrar a lagrima triunfante,
Palpitando em minh’alma estraçalhada.


Autor: Hermes Fontes
(psicografia de Chico Xavier )

Estudos Doutrinários

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Mediunidade Infintil











INFANTIL Mediunidade Em Que idade SE OCUPAR Pode, sem inconvenientes, de Mediunidade? "Não Precisa idade HÁ, Tudo dependendo inteiramente do Desenvolvimento físico e, mais ainda, do desenvolvimento moral. Ha Crianças de 12 anos hum tal afetará Quem Menos Coisa Do que hum ALGUMAS Pessoas Já Feitas ..." O Livro dos Médiuns - Cap. XVIII

Dos inconvenientes e perigos da Mediunidade



"Derramarei do Meu Espírito Sobre Toda Criatura humana. Vossos Filhos e vossas filhas profetizarão, jovens OS Terao visões e sonhos OS velhos Terao.

Atos dos Apóstolos,



Mensagem DA CRIANÇA AO HOMEM



Construísse Palácios assombram Que Uma da Terra, entretanto, se me largas AO relento, PORQUE me faltem hospedagem Pagar Recursos Pará, É Possível Que A Noite me enregele de frio.



Multiplicaste OS celeiros de frutos e cereais, garantindo OS próprios Tesouros, contudo, se me negas Lugar à mesa, eu PORQUE Dinheiro Não tenha UM FIM de Pagar o pão, Receio Morrer de fome.



Levantaste Universidades Maravilhosas, mas, se me fechas Uma porta da educação, eu PORQUE Não possua Uma Chave de ouro, temo Abraçar o crime sem Perceber.



Criaste hospitais gigantes, não entanto, se Não me defendes contra Uma enfermidade da garras, eu PORQUE Não te apresente Uma Ficha de Crédito, descerei Bem Cedo AO torvelinho da morte.



dezenas Proclamas o Bem Por Evolução da base, todavia, se Não Parágrafo Paciência comigo, PORQUE eu te aborreça, provavelmente Ainda Hoje cairei ª armadilha do mal, Como ave desprevenida Não Laço do caçador.



Em nome de Deus Que dizes Amar, compadece-te de MIM! ...



Ajuda-me para quê Hoje Amanhã eu te AJUDE.



Não te peco o Máximo Que Venha Alguém te Uma Benefício Meu Solicitar em ...



Rogo Apenas o Mínimo Que Não me dar podes Para quê viver eu POSSA e Aprender.



Pelo Espírito Meimei - Do livro: Luz sem lar, Médium: Diversos Francisco Cândido Xavier - Autores.











Profeta Joel, cap. 2 - Vers.17



Não HÁ dúvida de que A predição Bíblica do profeta Joel, descrita acima, refere-se mediúnicas Como e Manifestações Já alertava Para o Momento em Que Esses fenômenos evidentes Seriam Bastante, Principalmente Entre os Jovens e Crianças em.

Ora, atributo natural Mediunidade Sendo hum hum, nao se justificação Haver Tanta estranheza QUANDO o Espírito, Durante física SUA infância, claro e inequívoco Apresenta hum de MoDo.

Durante OS Primeiros Anos de SUA nova Encarnação, Como ligações Entre o Espírito EO Corpo físico Flexíveis São MAIS. Isso Maior UM Permite, de entrosamento Entre o Indivíduo Encarnado e aqueles Que se Encontram erraticidade nd.

A Falta de lev esclarecimentos Muita gente faculdades mediúnicas UM atribuir Como Que se manifestam nd UM idade da Infância e fantasias Como decorrentes ignora. Ou, O Que É Pior, ridiculariza e reprime Uma Criança, provocando Conflitos interiores LHE TRAZER Que podem, no Futuro, prejuízos psíquicos e morais.

Se levarmos em Conta Como palavras de Jesus, chegaremos à CONCLUSÃO de Que Toda Criança Que manifeste Sinais de Mediunidade DEVE Ser Uma levada Muito Serio. Por que o Mestre faria tal citação, se houvesse Relevantes Não Razões n Este Processo?

Todo médium, independentemente da idade de Seu Corpo físico, orientado e estimulado DEVE UM esclarecimentos Buscar Ser, um Fim de Conhecer Uma utilidade das faculdades Que espiritualidade Pela LHE Foram atribuídas. Mas, QUANDO se Trata de Uma Criança, da ESSA É Necessidade Ainda Maior, PORQUE A Criança Não Dispõe de Própria Vontade, Não É dona de Ações SUAS. Cabe AO adulto, a ELA Quem Foi confiada, encaminhá-la e oferecer-LHE Toda Uma necessaria Segurança Para a SUA DEVIDA Preparação.

A Participação de Crianças e adolescentes médiuns, Durante as Comunicações Espirituais permitiram UM Que Elaboração das obras da Codificação Espírita, foi de suma Importância. Por séria Diferente Que ágora? Ó UM UM Leva Que adulto duvidar de Uma Criança Que Afirme Estar ouvindo Vozes, vendo Espíritos, OU Até Mesmo importunada Sendo POR "amiguinhos invisíveis"? Incredulidade? Comodidade? Bem Ou Algo Mais grave, Como Estar se submetendo à Influência de obsessores Por Tem que OBJETIVO atrapalhar o Cumprimento da Tarefa assumida Por Indivíduo Aquele?



O PEQUENO MÉDIO



Softwares Antigos novo romance de Roberto de Carvalho, inspirado Pelo Espírito Basílio, intitulado O Pequeno Médio (Editora

Aliança), com faculdades mediúnicas de hum menino de 12 anos São o foco da trama central, Mostrando o quão Útil PoDE médium Ser orientado e auxiliado QUANDO devidamente Bem Para a consecução de Tarefas SUAS. Mostra Uma Responsabilidade dos Adultos nessa Empreitada, deixando claro Que, QUANDO UM CADA Cumpre o Seu Papel e, Com o auxílio indispensável do Alto, Não HÁ Obra Que Não Ser Realizada POSSA.



***



Vivendo com Uma avó, Num vilarejo de lavradores, Davi e Com. .. Menino UM brilhantes faculdades mediúnicas. A convivência com Espíritos Faz parte da Rotina SUA E o Parágrafo Deixa o padre assustado QUANDO LHE OS TAIS Diz Que visões São artimanhas do demonio.

Auxiliado Por hum amigo e do Espírito Por Pessoas comprometidas com o espiritismo, Davi É orientado Sobre os objetivos de SUA Mediunidade e, Por Meio de Comunicações RECEBIDAS, consegue evitar Que Uma grande injustiça cometida Seja, moradores do vilarejo Vários envolvendo Num Processo de Sepulturas dívidas Morais.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...