Não te esqueças de que a solução para o problema que te angustia, está a caminho.

Nos tribunais da Divina Justiça, nenhum processo fica parado.

A tua petição, depois de examinada, será deferida de acordo com os teus méritos.

Não te aflijas, antecipando-te às providências que haverão de ser tomadas em favor de tua paz.

Nem agraves a tua situação, tornando inócuas, quando te alcancem, as deliberações em andamento.

Saber esperar é tão importante quanto saber agir.

Toda decisão precipitada acaba sendo uma solução pela metade para o problema que se pretende resolver.

A solução que demora a surgir ainda não encontrou, disponíveis, os elementos que a favoreçam.


Irmão José/Carlos A. Baccelli
livro "Vigiai e Orai"











Dez Maneiras de Amar a Nós Mesmos

1. Disciplinar os próprios impulsos.

2. Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.

3. Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.

4. Aceitar, sem revolta, a crítica e a reprovação.

5. Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.

6. Evitar as conversações inúteis.

7. Receber no sofrimento o processo de nossa educação.

8. Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.

9. Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.

10. Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos, sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.







Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO,
mesmo sabendo que as rosas não falam...

Que eu não perca o OTIMISMO, mesmo sabendo que o futuro
que nos espera pode não ser tão alegre...

Que eu não perca a VONTADE DE VIVER, mesmo sabendo que a vida é,em muitos momentos, dolorosa...


Que eu não perca a vontade de TER GRANDES AMIGOS,
mesmo sabendo que, com as voltas do mundo,
eles acabam indo embora de nossas vidas...

Que eu não perca a vontade de AJUDAR AS PESSOAS,
Mesmo sabendo que muitas delas são incapazes
de ver, reconhecer e retribuir, esta ajuda...

Que eu não perca o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo
que inúmeras forças querem que eu caia...

Que eu não perca A VONTADE DE AMAR, mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo pode não sentir o mesmo sentimento por mim...

Que eu não perca a LUZ E O BRILHO NO OLHAR, mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo escurecerão os meus olhos...

Que eu não perca a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda

São dois adversários extremamente perigosos...

Que eu não perca a RAZÃO, mesmo sabendo

que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas...

Que eu não perca o sentimento de JUSTIÇA, mesmo
sabendo que o prejudicado possa ser eu...

Que eu não perca o meu FORTE ABRAÇO, mesmo sabendo
que um dia os meus braços estarão fracos...

Que eu não perca a BELEZA E A ALEGRIA DE VIVER, mesmo sabendo

que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...

Que eu não perca o AMOR POR MINHA FAMÍLIA, mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços incríveis para manter a sua harmonia...


Que eu não perca a vontade de DOAR ESTE ENORME AMOR que existe em meu coração, mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado...

Que eu não perca a vontade de SER GRANDE, mesmo
sabendo que o mundo é pequeno...

E acima de tudo...

Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente!

Que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois...

A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS

E CONCRETIZADA NO AMOR!






Desencanto

Também, Senhor, um dia, de alma ansiosa,
Num sonho todo amor, carícia e graça,
Quis encontrar a imagem cor-de-rosa
Da ventura que canta, sonha e passa.

E perquiri a estrada erma e escabrosa,
Perenemente sob a rude ameaça
Da amargura sem termos, angustiosa,
Entre os frios do pranto e da desgraça,

Até que um dia a dor, violentamente,
Fez nascer no meu cérebro demente
Os anelos de morte, cinza e nada.

E no inferno simbólico do Dante,
Vim reencontrar a lagrima triunfante,
Palpitando em minh’alma estraçalhada.


Autor: Hermes Fontes
(psicografia de Chico Xavier )

Estudos Doutrinários

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Começos de Tarefas





Diz você que deseja iniciar-se nos serviços do bem.

Não perca tempo na indecisão.

Eis aqui alguns modelos para começar.

Experimente suportar sempre com paciência e carinho algum familiar de trato áspero.

Nos recintos onde surjam atividades de natureza coletiva, ampare espontaneamente a algum enfermo ou a essa ou àquela criança incomodada que requisitem atenção.

Procure, no campo do próprio dever, ofertar ao seu próprio trabalho alguns momentos de cooperação extra, sem a preocupação de obter gratificações ou elogios.

Busque tornar menos pesado o dia de algum companheiro que você saiba em provação.

Se você é o centro, mesmo involuntário,de algum fato desagradável, seja a primeira pessoa a sorrir, desfazendo tensões ou aborrecimentos capazes de aparecer.

Não reclame.

Não grite.

Não condene.

Não tema servir.

Não se queixe.

Aqui ficam algumas indicações para os companheiros que aspirem a matricular-se na Seara do Bem.

Depois de iniciado semelhante trabalho, de ponto de vista externo, então passaremos às tarefas da renovação íntima, que são muito mais complexas e mais difíceis, é claro.


Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito André Luiz.
Mensagem extraída do livro Aulas da Vida, editora IDEAL.

Deus Vem Vindo





Ninguém conhece as tribulações que te espancam por dentro da própria alma.

Observas-te no ápice da resistência e, em muitas ocasiões, te inclinas para a idéia de deserção...

Entretanto, insiste no cultivo da paciência, um tanto mais, e resguarda-te nos deveres que a Divina Providência te confiou.

Deus vem vindo...

Perdeste as mais belas aspirações, em vista dos golpes que a realidade te desferiu.

Por vezes, sentes o ímpeto de agir contra a própria existência...

Conserva-te, porém, na paciência, um tanto mais, e prossegue na execução dos teus próprios encargos.

Deus vem vindo...

A solidão te oprime os sentimentos, embora quase sempre te vejas na multidão.

Nesses instantes, parece-te que a morte se aproxima e, não raro, experimentas a tentação de abraçar a fuga e a irresponsabilidade...

No entanto, usa a paciência, um tanto mais, e persevera nas tarefas que a vida te deu a realizar.

Deus vem vindo...

Lembra os obstáculos e crises, quedas e provas que já atravessaste, dos quais sempre ressurgiste para o reequilíbrio e para a busca da felicidade, sem que saibas explicar de que maneira te refizeste para a alegria de viver e conviver.

Avalia as bênçãos que te marcam os dias e as vitórias íntimas que entesouraste no campo das próprias experiências e nunca te acomodes com o desespero.

Se ainda não dispões de segurança a fim de sustentar a própria fé, acalma-te, trabalha, serve, espera e guarda a certeza de que Deus vem vindo...


Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito Emmanuel.
Mensagem extraída do livro Irmão, editora IDEAL.

Palavra de Oração





Não olvides que a boa palavra é combustível de amor para que a chama da prece te clareie o caminho.

Guarda-a contigo por talento genuíno da caridade e a simpatia da vida prestigiar-te-á todas as petições.

Em casa, será o pão de alegria com que entreterás a confiança na lareira doméstica.

Na via pública, angariar-te-á o socorro da gentileza para que teu passo seja mantido com segurança.

Junto aos amigos, dar-te-á de retorno o estímulo santo ao trabalho que o mundo te solicita desempenhar.

Perante os adversários, transformar-se-á em respeito e admiração no ânimo de quantos ainda te não possam compreender.

Ante o ministério público dos que foram chamados a administrar, ser-te-á nota de crédito e gratidão na justiça que pede o amparo e o entendimento de todos.

Lembra-te de que a palavra edificante será sempre a esmola de teu pensamento e de tua boca, beneficiando a senda em que transites e, seja ensinando nas assembleias ou conversando na intimidade, omite toda imagem do mal para que o bem reine puro.

A frase construtiva e generosa é princípio de solução nos mais complicados processos do sofrimento.

Unge o dom de falar no bálsamo que lhe flui da faculdade de levantar e de redimir, e, a tua oração, quando proferida, influenciará todas as almas que te partilham a marcha, à feição de luz fendendo o espaço em raio ascendente de esperança, para trazer-te a resposta divina, por intermédio daqueles que te acompanham, com a força da realização e com a suavidade da bênção.


Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito Emmanuel.
Mensagem extraída do livro Refúgio, editora IDEAL.

Prosseguir





Escuta, alma querida,
As tragédias do mundo, longe ou perto,
São lâminas ao ar como açoites ao vento...
Lutas entre as nações e outras do sofrimento
Dentro do próprio lar,
Quais golpes a explodir;
Rugem conflitos, clamam desacertos,
Mas enquanto a violência se encastela,
A palavra da fé nos roga clara e bela:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.

Perdes almas queridas pela estrada
Que se marginalizam sob a escolta
Da tristeza, da mágoa e da revolta,
Descrentes do porvir...
Quanto a ti, age, lida e continua...
O Tempo há de buscá-las no futuro
E a Lei já te alinhou sob o esquema a seguir:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.

Não contes desenganos e pesares.
Consome qualquer dor na chama ardente
Da confiança em Deus que te mantém buscando a frente,
Para que possas
Compreender e elevar...
Mãos na gleba do amor!... Aprende a construir!...
E escutarás, então, de ânimo atento
A mensagem de luz do próprio firmamento:
- “Trabalhar e esquecer, prosseguir, prosseguir...”.


Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito Maria Dolores.
Mensagem extraída do livro Dádivas de Amor

Tema Sempre Nosso






Todos nós encontramos problemas.
E a vida sempre nos oferece soluções através do próximo.

O outro:

é o seu público;
o seu cliente;
o seu leitor;
o seu ouvinte;
o seu mentor;
o seu discípulo;
o seu enfermeiro;
o seu fornecedor;
o seu avalista;
o seu fiscal.

Dos outros obtemos:

o apoio ao trabalho;
o conforto nas provações;
o convite ao progresso;
a lição na experiência;
o socorro nas crises;
a advertência no erro;
o estímulo ao serviço;
o desafio ao aperfeiçoamento;
a cooperação na tarefa;
e o amparo à própria sustentação.

Quando a Lei nos observa:

“Ame o próximo”, está nos avisando que auxiliar aos outros será realmente auxiliar a nós mesmos.

Psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier (Chico Xavier) pelo espírito André Luiz.
Mensagem extraída do livro Antologia da Criança,






Vacina


Não esperes por fortuna
Para ajudar a quem chora,
Estende o apoio da hora,
Que possas movimentar;
Para o irmão que necessita
Migalha do que te reste
É bênção que se reveste
De regozijo invulgar.

Talvez não saibas ainda
Que a criança desvalida
Sem proteção para a vida
Não conhece estrada sã;
Da cabeça pequenina
Cuja dor ninguém pressente
Pode nascer facilmente
O malfeitor de amanhã.

Muitos amigos alegam,
Seguindo estranha cartilha
Que amparo aos outros humilha
Sem justo apoio a ninguém;
Mas ignoram que olvido
Às dores da vida alheia
É mal que surge e se alteia
Ferindo a força do bem.

Apoia, ajuda, perdoa...
Na Providência Divina,
A caridade é vacina
Contra revolta e rancor;
Uma prece, uma esperança,
Um pão pobre e pequenino
São sempre tijolo e ensino
Erguendo o Reino do Amor.

Chico Xavier




Tolerância



Emaranhas-te, algumas vezes, no cipoal da incompreensão de seres queridos.

Aqui, é um filho que se te afigura inacessível às diretrizes de renovação; mais além, é um coração amado que parece não mais te suportar os convites ao bom senso.

Não insistas com intimações palavrosas. Ameaças e desafios assemelham-se a marteladas sobre pregos de fixação.

Oferece-lhes bondade e simpatia, quando te não consigam entender, mas não os encarceres nas linhas de teus pensamentos.

Se pessoas queridas fogem de ti, inconformadas com a vida em tua casa mental, abençoa-as com serenidade e continua agindo e servido na execução dos ideais superiores que abraças.

E se, um dia, te retornarem à convivência, buscando trabalhar perto de ti, quanto se te faça possível, abre-lhes os braços; e se te solicitam a intercessão para que venham a servir noutros caminhos, não vaciles ajudá-las, afim de que retomem o esforço de elevação do qual se afastaram transitoriamente.

Perdão não é apenas uma joia na boca e sim a aceitação dos outros, na condição em que ainda se encontrem, com a sincera disposição de colocar-nos em lugar deles, não somente para avaliar-lhes a situação, mas também para sabermos quanto estimaríamos recolher, na situação dos que erram, a tolerância da generosidade alheia.

Sigamos o próprio caminho, sem impedir que os semelhantes escolham estradas diferentes das nossas.

Certa feita, recomendou Jesus ao Apóstolo:

- “Perdoarás não apenas uma vez, mas setenta vezes sete”. Isso quer dizer também que à frente dos nossos irmãos que nos firam ou nos ofendam, cabe-nos abençoá-los e auxiliá-los, tantas vezes quantas se fizerem necessárias.

livro Somente Amor
Chico Xavier

Em Regime de Fé






Em Regime de Fé

O Universo vive em regime de fé.

Em semelhante sistema, a Terra gira sobre si mesma e avança, a pleno Espaço Cósmico, através de ciclos perfeitos de movimento e vida.

Automaticamente, os átomos efetuam as transformações que lhes são peculiares, sustentando a economia da natureza.

De maneira mecânica, planta se desenvolve na direção do sol.

O animal promove a formação do próprio ninho, valendo-se de princípios da inteligência.

Claramente possível classificar a gravitação como sendo Confiança sabiamente orientada; a atração definindo a Confiança magneticamente dirigida; o heliotropismo expressando a Confiança no impulso, e a inteligência rudimentar exprimindo-se em grau determinado da Confiança instintiva.

* * *

Paradoxalmente, apenas o homem por vezes se declara sem fé; no entanto, mesmo sem fé, ele pensa, Confiando nos implementos do cérebro; fala, Confiando nas cordas vocais; pratica o artesanato, Confiando nas mãos; alimenta-se, confiando no engenho gastrintestinal; caminha, Confiando nos pés; viaja, Confiando naqueles que lhe orientam
as máquinas; estuda, Confiando nos professores; traça programas de ação, Confiando em horários.

Tudo na vida se harmoniza em recursos de confiança.

* * *

Atualmente, porém, a Doutrina Espírita vem acordar as criaturas para a fé raciocinada, que não dispensa a lógica e o discernimento precisos, a fim de que a consciência humana se eduque suficientemente, sem a ingenuidade que a tudo se submete e sem a violência que a tudo aspira dominar.

*

Emmanuel pelo médium Chico Xavier.

Livro: Rumo Certo.

LinkWithin



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...